sexta-feira, 15 de março de 2013

Você tem um chamado-PARTE 02 (FINAL)

 Oláa galeraaa abençoadaa... td bem?rsrs Espero que siim ... Bom,semana passada iniciei um estudo sobre você tem um chamado,pois então vamos continuaar ... No post passado,falei basicamente,sobre cada um de nós sabermos qual pe nosso lugar no corpo de Cristo,para que assim possamos exercer aquilo que o Senhor deseja.
Nesse post falarei sobre Os dons no contexto do Corpo... Vamos láa ...
Dons espirituais não são os dons naturais. Por exemplo: uma pessoa pode ter uma voz linda e
não ter o dom espiritual para cantar. Vemos muitas vezes cantores cantando músicas evangélicas.
Têm a voz bonita, são afinados e a melodia é muito harmoniosa. Entretanto, esses músicos, por não
terem a unção de Deus para cantarem (porque também não foram chamados para isso) parecem ser secos e não conseguem expressar a essência espiritual da melodia. Não existe comunicação espiritual, porque simplesmente não receberam o dom para exercer essa função no Corpo.
O dom espiritual é uma habilitação dada pelo Espírito Santo para edificação da própria Igreja.
Muitas vezes a pessoa pode ser um trabalhador com dons para realizar certo trabalho, mas dentro
da Igreja, no contexto dela, ela pode ter outro ministério completamente diferente. É possível acontecer também que uma pessoa já tenha uma aptidão e, quando vem para a Igreja, o seu ministério,a sua capacitação, sejam os mesmos. Os dons espirituais existem exatamente para nos diferenciar uns dos outros e também para mostrar a cada um de nós que não somos auto-suficientes,e que precisamos uns dos outros.Por isso, o apóstolo disse: “Têm todos dons de curar? Falam todos em outras línguas? Interpretam-nas todos?” (1 Coríntios12.30.) E a resposta óbvia é: “Não”. Todos necessitam das ministrações uns dos outros. Os dons espirituais além de nos diferenciar, também nos são dados com o objetivo de fazer separação.
Cada membro do Corpo tem um ministério específico. Por isso, todos os membros do Corpo de Cristo precisam ocupar o seu lugar em um ministério específico, reservado por Deus para cada um.
Daí  fica a pergunta: Como saber o meu dom espiritual?
E a resposta é simples,porém,de tem que estar determinado... Você precisa buscar conhecimento mais a respeito disso,e buscar a Deus,pergunte ao Senhor que lhe faça ver e entender o seu dom que Ele lhe concedeu,pois existem dons que estão escondidos, e até mesmo, dons que não estão sendo usados pelos membros do Corpo.
Ministros e Ministras,há uma multiplicidade de dons espalhados na Igreja,
e nem todos estão sendo usados. É preciso que cada um olhe para si mesmo e descubra o dom que
Deus lhe deu.

No momento em que você veio para a Igreja, para o reino de Deus, você recebeu um dom e Deus te colocou em um lugar específico. Agora, seus olhos precisam ser abertos para que você saiba qual é o seu lugar.
Busque ao Senhor,para que você saber qual é o seu dom,e assim você possa estar exercendo o que Ele te designou,para que possa estar no lugar certo,e fazendo a coisa a certa.
Bom ministros,é isso,espero que tenham entendido um pouco sobre chamado,que é preciso que todos nós saibamos qual é o nosso lugar no corpo de Cristo.
Esse estudo foi retirado do livro: Você tem um chamado-Marcio Valadão-
Fiquem na paz do Senhor e atée a proxiimaa...


segunda-feira, 11 de março de 2013

Você tem um chamado-PARTE 01

Oláa,ministros/ministras do Senhooor ... Vamos maais a um supeer estudo?
- Eu dividirei esse estudo,para que não fique muito longo,logo ficaria exaustivo. -
Vocês devem estar se perguntando: Por que esse post em um blog que seu foco é dança ?? rsrs ... é ministros,é estranho,porém,necessario,pois há pessoas ministrando dança,sendo que ali não é o seu lugar,estar ali por prazer da companhia dos demais,e não por amor e por aquilo que o Senhor tem falado para elas... Há muitas pessoas em ministérios de dança,que o desejo do Senhor é que essa pessoa esteija por exemplo evangelizando.Por isso,o post,para que possamos fazer a nossa função,aquilo que o Senhor nos tem referido desde o momento que nos escolheu no ventre de nossa mãe,para fazer a vontade do Senhor.
Pois então,vamos lá ...  
Antes,queria começar fazendo algumas perguntas:
1-Qual é o chamado do Senhor para você?
2-Você tem convicção desse chamado ?
3- Você tem vivido esse chamado?

Todos nós temos um chamado, ninguém pode fugir desta realidade, seja integral ou voluntário, existe uma ação no reino que Deus escolheu exclusivamente para você fazer. O quanto antes você entender qual é o seu chamado e colocá-lo em prática,mais proveitosa será sua vida aqui na terra.
 Desde quando Deus iniciou o processo da criação,Ele já sonhava com a Igreja. Ou seja, o fruto que Deus almejava era a Igreja, o Corpo de Cristo.
Se é no contexto da Igreja que se dá a descoberta do propósito de Deus para sua vida, é também na Igreja que esse propósito é posto em prática.
Quando você se converteu, recebeu dons de Deus. Portanto, você tem pelo menos um ou mais
dons. Você foi colocado no Corpo, ou seja, na Igreja, com os dons que recebeu, para suprir as necessidades daqueles que não têm esses dons. Com isso, algo que precisa existir é a compreensão do lugar de cada um dos membros no Corpo de Cristo.
Qual é o seu dom? Não é difícil identificálo,desde que você simplesmente queira. Qual é o seu lugar no Corpo? O seu lugar no Corpo é aquele onde você tem liberdade e, livremente, sente uma bênção tremenda em estar realizando aquela função no ministério no qual Deus o colocou.
Em Romanos capítulo 12 versos 4 a 8 Paulo diz:
“Porque assim como num só corpo temos muitos membros, mas nem todos os membros têm a mesma
função, assim também nós, conquanto muitos, somos um só corpo em Cristo e membros uns dos outros, tendo, porém, diferentes dons segundo a graça que nos foi dada: se profecia, seja segundo a proporção da fé; se ministério, dediquemo-nos ao ministério; ou o que ensina esmere-se no fazê-lo; ou o que exorta faça-o com dedicação; o que contribui, com liberalidade; o que preside, com diligência; quem exerce misericórdia,com alegria.”

Quando você tem o entendimento, ou seja, a plena compreensão do que é a Igreja, o Corpo de Cristo, então, passa a ter a convicção de que é parte integrante e fundamental do Corpo de Cristo.
Você tem uma função exata nesse corpo,logo,cabe a você conhecer qual é,para que não possa estar fazendo a função de outra pessoa nesse corpo.


No próximo post falarei acerca dos DONS no contexto do CORPO.

Fiquem na paz d'Aquele que nos ama incondicionalmente.
Ocorreu um erro neste gadget