quarta-feira, 27 de junho de 2012

Evento

Você que está em São Paulo se prepare para o maior evento da Dança Cristã dos últimos tempos!!!



Aguardem informações sobre inscrição, valores, mas já guardem em suas agendas!!!

Veja como foi a palestra de Isabel Coimbra


Queridos Adoradores do Deus Vivo, como vocês estão?

Na semana passada tive a oportunidade de estar com a Isabel Coimbra, líder de dança do Ministério Diante do Trono que compartilhou conosco numa palestra, a dança do ponto de vista da arte e como Deus chamou a dança para Servi-lo.

Ela falou sobre a evolução da dança como arte e como ao longo desse tempo, o inimigo tentou roubar esse ministério tão lindo.

Isso começou lá no Éden, quando Eva comeu do fruto proibido:



3.1 Mas a serpente, mais sagaz que todos os animais selváticos que o SENHOR Deus tinha feito, disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?





3.2 Respondeu-lhe a mulher: Do fruto das árvores do jardim podemos comer,





3.3 mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Dele não comereis, nem tocareis nele, para que não morrais.





3.4 Então, a serpente disse à mulher: É certo que não morrereis.





3.5 Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se vos abrirão os olhos e, como Deus, sereis conhecedores do bem e do mal.





3.6 Vendo a mulher que a árvore era boa para se comer, agradável aos olhos e árvore desejável para dar entendimento, tomou-lhe do fruto e comeu e deu também ao marido, e ele comeu. (Versão NTLH)





Não bastava olhar o fruto, era necessário comer, com isso o inimigo enganando Eva, fez com que ela desejasse aquele fruto, Eva então consumou o ato de comer o fruto e passou a contaminar o seu corpo também.



É o que acontece com o ministério de dança, o inimigo quer que nos corrompamos, que o nosso corpo se corrompa para que a Glória de Deus não se manifeste em nós.



Sabendo que isso precisamos combater em nosso dia a dia, Jesus veio para nos santificar, com o sacrifício Dele na cruz o nosso corpo passa a ser santo, separado para louvor e glória de Deus.



Queridos, o nosso desafio é ser diferenciado nos mínimos detalhes, nas atitudes, nas roupas que usamos e no modo que nos comportamos, o seu testemunho fala muito mais do que qualquer palavra emitida por você.



Te convido hoje nesse desafio, a busca da mudança de atitude e da sua postura, faça uma lista daquilo que acredita ser necessário mudar, ore todos os dias e Deus com certeza te ajudará.


As escrituras nos convidam nessa mudança também:



  Em II Samuel 6: 12 - 16, Davi extravasa toda sua alegria dançando diante do Senhor por estar transportando a Arca para Jerusalém, que representava a presença de Deus no meio deles.
" Em Êxodo 15:20 e 21, vemos Miriã, uma profetisa com muitas mulheres saírem com tamborins e com danças cantando ao Senhor pela vitória de Israel, pelo povo que saíra ileso do Egito, terra onde eram escravos.
Salmo 149:3 - "Louvem o seu nome com danças; cantem-lhe o seu louvor com tamborim e com harpa".

Além disso, ela compartilhou conosco experiências, testemunhos e o que ela fez que deu certo ao longo de seu ministério, um tempo maravilhoso preparado por Deus para nós.



Fiquem na paz queridos e até a próxima!



Talita Dantas

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Os Improváveis


Olá Queridos, como vocês estão?

Que o Senhor possa a cada dia acrescentar no chamado de cada um de vocês. Quero compartilhar um texto que li no blog da Cia Mudança, a Cia que acompanha o Diante do Trono, texto esse escrito pela Isa Coimbra, uma de suas filhas que acompanha sua mãe, Isabel Coimbra desde cedo no ministério.



No livro de João capítulo quatro, é narrada a história da mulher samaritana. Provavelmente você já leu este texto inúmeras vezes, mas quero analisá-lo concomitantemente com a palavra “improvável”.
Na nossa labuta pela santidade, em algum momento começamos achar que na medida em que nos aproximamos de Deus nos tornamos mais merecedores do amor e da bondade Dele. Pensamos que se formos mais merecedores receberemos mais, afinal de contas “tenho discípulos na igreja, participo de um ministério, acordo cedo para orar, tenho negado muitas vontades próprias…” e tantos outros argumentos que nos fazem achar que é só dessa maneira que atraímos os olhos de Deus.
Creio que dentro desse cenário, podemos nos sentir muitas vezes cingidos por um jugo muito pesado, pois a “obrigatoriedade de ser e fazer alguma coisa” para Deus ou que Ele aprove, estão associadas a uma troca de favores, de maneira que quando erramos nos parece que todos os planos de Deus escorrem junto. É como se Deus nos castigasse, passasse a nos amar menos ou algo parecido a cada momento que falhamos.
Contudo, a história da mulher samaritana, nos relata um amor incondicional de Deus para com qualquer um, isto é, até mesmo para com aqueles que provavelmente muitos de nós não consideraríamos merecedores do amor do Pai; os improváveis.
O texto citado nos conta que a mulher samaritana já havia se casado por inúmeras vezes e naquele momento era praticante de uma união fora do casamento, ou seja, uma união estável, visto que Jesus ao conversar com ela fala sobre um homem com o qual ela vivia, mas que não era seu esposo.
Jesus passava por Samaria e Ele sabia exatamente porque passava por ali e quem Ele encontraria. Jesus foi ao seu encontro. Ao encontro daquela que para muitos de nós não seria merecedora de atenção; uma improvável. E, pacientemente Ele lhe estendeu a não e lhe ofereceu a “vida”.
Reflito neste texto pensando que se por algum motivo Deus se aproximou de mim, não é porque lhe ofereço algo, mas tão somente pelo simples fato do Seu amor não depender de nada que eu faça. O que também me faz refletir, que assim como a Samaritana, também sou improvável. Ele escolheu a mim.
Tal pensamento é demasiadamente libertador e mais uma vez me convence da tamanha soberania e misericórdia de Deus.
O diabo insiste em tentar imprimir em nossas mentes uma relação de prestação de serviço ou de vínculo “empregatício”, o que deturpa o sentido da verdadeira relação entre nós e Deus, que é a de filiação; de pai e de filho.
O amor de Deus excede todo entendimento, e quando entendemos isso, passamos a viver a graça de Deus. Fazemos o que fazemos não porque precisamos ou para que Deus não nos castigue. Passamos a fazer sem pressão ou sem ameaça, mas simplesmente por gratidão, amor e adoração.


“Dançar não para os outros, dançar não para me redimir, dançar não porque devo, dançar não porque posso e sei, dançar porque sou amada e livre”

Isa Coimbra



Texto extraído do blog: http://ciamudanca.wordpress.com/2009/11/

terça-feira, 5 de junho de 2012

Para sua edificação



Queridos leitores, adoradores e levitas do Senhor, tenho sido muito edificada por mensagens diárias que leio em alguns sites e essa em especifico quero compartilhar com vocês, pois muitas vezes temos medo do porvir, mas precisamos saber que Deus é conosco.
Essa é uma meditação da Bispa Sonia Hernandes, que vocês possam ser abençoados por ela como eu fui.


Queridos, hoje, eu quero dividir a seguinte palavra com vocês:
Abra comigo em Provérbios 3: 25 e 26 “25 - Não temas o pavor repentino, nem a arremetida dos perversos, quando vier. 26 - Porque o Senhor será a tua segurança e guardará seus pés de serem presos.” (página 1002 da Bíblia Da Mulher De Bem Com A Vida).

No primeiro capitulo do livro "Vivendo De Bem Com A Vida”, eu falo que muitas vezes nos encontramos no meio de situações inesperadas. Eu até inicio o capítulo dizendo que “o ideal seria começar tudo do começo”, mas nem sempre dá.

Muitas vezes, você se depara com situações que você não estava preparado. Lutas que vêm do nada: a interrupção de uma gravidez, um acidente de carro, uma demissão, uma traição... De repente, você acorda e está no meio de uma loucura.

Como dizia minha avó, são situações que te deixam de “calças curtas”. Apesar de que hoje, nem posso usar essa conseguimos levar tudo no bom humor.

Mesmo que seja difícil, a Palavra de Deus fala para não temermos o pavor repentino. Pavor repentino é o medo que sentimos quando nos deparamos com situações novas, inesperadas, situações as quais você muitas vezes não tem um referencial.

De repente, você estava noiva e preparou tudo para o casamento, mas o noivo do nada desistiu do relacionamento; ou um casamento de anos, que vive do nada uma loucura, um furacão repentino que veio para derrubar tudo.

Na Bíblia, está escrito “não temas”, quando Deus fala: “Não tenha medo” é porque vai dar medo mesmo. Quando o Senhor falou para Josué: “Seja forte e corajoso”, com certeza, Josué enfrentaria situações que o deixaria fraco, impotente e com vontade de desistir.

Deus já preparou Josué para a situação que ele enfrentaria. É como se o Senhor falasse “Eu sei que você vai ficar espantado, mas segura essa. Você pode!”.

Hoje, se você está totalmente atordoado por causa das lutas, ou até mesmo espantado ao ver uma pessoa que era muito próxima de você ser capaz de te fazer muito mal, não se deixe abalar.

Não tema o pavor repentino e muito menos os golpes do perverso. Não tema a arremetida daquele que é mal, que tem prazer em causar dano à sua vida, aquela pessoa que é verdadeiramente uma extensão do inferno!

Infelizmente, assim como tem gente que é uma extensão de Deus, existem pessoas se deixam dominar pelo inimigo e vêm com tudo para roubar, matar e destruir seus sonhos.

Não fique com medo, o Senhor será a sua segurança. Ele te deixará de cabeça erguida, Deus vai guardar os teus pés nesse campo minado, para você não ficar refém dessa situação.

Faça dessa palavra a tua verdade! Sabe como? Invocando: "Senhor, seja a minha segurança e me livra de fazer o que meus pés têm vontade. De correr covardemente, de ficar paralisado, de me deixar desiquilibrado. Senhor, tenha compaixão da minha vida. Me livra de todo o laço do inimigo, que quer me amarrar, me colocar em uma cama de depressão, que quer me colocar em uma cadeia de ódio, de vingança de loucura e desespero, de choro e de revolta contra Deus!".

Quando você faz desta palavra o teu caminho, você encontra a luz e a verdade! Deus é contigo, faça d´Ele a sua segurança! Você pode todas as coisas, porque Ele te fortalece

Pense nisso!
Bispa Sonia Hernandes
Tiwtter: @BispaSonia
Ocorreu um erro neste gadget