quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

A origem do jazz

Queridos,
Falei ontem que começaria a tratar sobre jazz, pois foi um dos temas mais votados, hoje começo com a história do jazz, sua origem, para depois começarmos a falar de passos de jazz em si.

Por volta de 1808 o tráfico de escravos no Atlântico trouxe aproximadamente meio milhão de africanos aos Estados Unidos, em grande quantidade para os estados do sul. Grande parte dos escravos vieram do oeste da África e trouxeram fortes tradições da música tribal.[4] Em 1774 um visitante os descreveu, dançando ao som do banjo de 4 cordas e cantando "a música maluca", satirizando a maneira com que eram tratados. Uma década mais tarde Thomas Jefferson similarmente notou "o banjar, que foi trazido da distante África". Foi feita de cabaça, como a bânia senegalesa ou como a akonting do Oeste da África. Festas de abundância com danças africanas, ao som de tambores, eram organizadas aos domingos em Place Congo Nova Orleães, até 1843, sendo como uma festa similar em Nova Orleães e Nova Iorque.
Escravos da mesma tribo eram separados para evitar formações de revolta. E, pela mesma razão, nos estados da Geórgia e Mississippi não era permitido aos escravos a utilização de tambores ou instrumentos de sopro que fossem muito sonoros, pois poderiam ser usados no envio de mensagens codificadas. Entretanto, muitos fizeram seus próprios instrumentos com materiais disponíveis, e a maioria dos chefes das plantações incentivaram o canto para que fosse mantida a confiança do grupo. A música africana foi altamente funcional, tanto para o trabalho quanto para os ritos.
As work songs e field hollers incorporaram um estilo que poderia ser ainda encontrado em penitenciárias dos anos 60, e em um caso eram parecidas com uma canção nativa ainda utilizada em Senegal. No porto de Nova Orleães, estivadores negros ficaram famosos pelas suas canções de trabalho. Essas canções mostravam complexidade rítmica com características de polirrítmica do jazz. Na tradição africana eles tinham uma linha melódica e com o padrão pergunta e resposta, contudo, sem o conceito de harmonia do Ocidente. O ritmo refletido no padrão africano da fala e o sistema tonal africano levaram às blue notes do jazz.
No começo do século XIX, um número crescente de músicos negros aprendiam a tocar instrumentos do ocidente, particularmente o violino, provendo entretenimento para os chefes das plantações e aumentando o valor de venda daqueles que ainda eram escravos. Conforme aprendiam a música de dança europeia, eles parodiavam as músicas nas suas próprias danças cakewalk. Por sua vez, apresentadores dos minstrel show, euro-americanos com blackface, estilo de maquiagem usado para sátira, popularizavam tal música internacional, a qual era combinação de síncopas com acompanhamento harmônico europeu. Louis Moreau Gottschalk adaptou música latina e melodia de escravos para músicas de piano de salão, com músicas tais como Bamboula, danse de nègres de 1849, Fantaisie grotesque de 1855 e Le Banjo, enquanto sua música polka Pasquinade, em torno do ano 1860, antecipou ragtime e foi orquestrado como parte do repertório de concerto da banda de John Philip Sousa, fundada em 1892.
Outra influência veio dos negros que frequentavam as igrejas. Eles aprenderam o estilo harmônico dos hinos e os adaptavam em spirituals. As origens do blues não estão registradas em documentos, entretanto, elas podem ser vistas como contemporâneas dos negro spirituals. Paul Oliver chamou a atenção à similaridade dos instrumentos, música e função social dos griots da savana do oeste africano, sob influência Islâmica. Ele notou estudos mostrando a complexidade rítmica da orquestra de tambores da costa da floresta temperada, que sobreviveram relativamente intacta no Haiti e outras partes do oeste das Índias mas não era farta nos Estados Unidos. Ele sugeriu que a música de cordas do interior sudanês se adaptou melhor com a música popular e baladas narrativas, dos ingleses e dos donos de escravos scots-irish e influenciaram tanto o jazz como o blues.

O jazz é uma manifestação artístico-musical originária dos Estados Unidos. Tal manifestação teria surgido por volta do início do século XX na região de Nova Orleães e em suas proximidades, tendo na cultura popular e na criatividade das comunidades negras que ali viviam um de seus espaços de desenvolvimento mais importantes.
O Jazz se desenvolveu com a mistura de várias tradições musicais, em particular a afro-americana. Esta nova forma de se fazer música incorporava blue notes, chamada e resposta, forma sincopada, polirritmia, improvisação e notas com swing do ragtime. Os instrumentos musicais básicos para o Jazz são aqueles usados em bandas marciais e bandas de dança: metais, palhetas e baterias. No entanto, o Jazz, em suas várias formas, aceita praticamente todo tipo de instrumento.
As origens da palavra Jazz são incertas. A palavra tem suas raízes na gíria norte-americana e várias derivações têm sugerido tal fato. O Jazz não foi aplicado como música até por volta de 1915. Earl Hines, nascido em 1903 e mais tarde se tornou celebrado músico de jazz, costumava dizer que estava "tocando o piano antes mesmo da palavra "jazz" ser inventada".
Desde o começo do seu desenvolvimento, no início do século XX, o Jazz produziu uma grande variedade de subgêneros, como o Dixieland da década de 1910, o Swing das Big bands das décadas 1930 e 1940, o Bebop de meados da década de 1940, o Jazz latino das décadas de 1950 e 1960, e o Fusion das décadas de 1970 e 1980. Devido à sua divulgação mundial, o Jazz se adaptou a muitos estilos musicais locais, obtendo assim uma grande variedade melódica, harmônica e rítmica.

Fonte: Wikipedia

Essa é a história, não adianta dançarmos um ritmo para o Senhor sem termos base de onde ele vem, o que tem por trás de sua história, até mesmo para orarmos e levarmos o louvor puro e santo para Deus!

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Todos os Ritmos louvem ao Senhor!!

Louvai ao Senhor com Adufes e Danças, Todo o ser que Respira Louve ao Senhor!
Salmo 150

Esse versículo me traz à memória um tempo onde a dança na igreja era dita como algo que não trazia a glória de Deus e até mesmo pecaminoso aos olhos do Senhor.

Creio que desde o início dos anos 2000 a dança dentro da igreja mudou de formato, hoje é instrumento de evangelização e muitos corações são tocados através da expressão corporal de dançarinos comprometidos, compromissados e consagrados ao Senhor, que fazem o melhor para expressar a glória de Deus através da dança.

Deus nos dá hoje a possibilidade de sermos formadores do futuro de adoradores, que adoram ao Senhor em Espirito e em verdade.

O versículo que cito no início desse post inicia um novo tempo no blog Dançacristabr!
Quando a palavra de Deus fala para louvarmos com danças, ela não especifica qual o tipo de dança que devemos fazer, qual o gesto correto a ser feito, por isso, entendo que TODAS as danças devem louvar ao Senhor, assim como TODOS os ritmos devem ser entregues como louvor a Deus, uma vez que Ele foi o criador de todas as coisas!

Por isso, a partir de hoje, semanalmente falarei sobre um ritmo diferente, para que possamos nos inspirar em estudar mais, entregaremos a nossa melhor dança pra Deus.

Essa semana em nosso canal do Facebook, fiz uma pesquisa para saber qual o ritmo que as pessoas gostariam de aprender, o jazz e o contemporâneo ficaram praticamente empatados, por isso, amanhã não perca, falarei sobre jazz, indicarei sites e lugares para que possamos estudar e fazer o melhor para o Rei Jesus!


Deus te abençoe!
Talita Dantas

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Queridos Seguidores,
Estive um pouco sumida esses dias, mas agora retomo o blog a todo vapor!
O musical que falei pra vocês ficou lindo! Muitas luzes, figurinos maravilhosos e tudo isso para promover o nome de Jesus através da dança, o louvor e o teatro também ficaram maravilhosos, mas a dança impactou a todos.
Resultado de muito trabalho, planejamento, consagração e acima de tudo organização.

Vejam algumas fotos:






sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Qual o motivo da sua dança?

Queridos Seguidores,
Tenho visto inúmeros vídeos de dança para a criação do nosso canal no You Tube, onde serão disponibilizadas coreografias, aulas de ballet,divulgação de grupos de dança, onde todos poderão interagir e aprender mais sobre a arte da dança e aplicá-la ao ministério a qual você pertença.
Com isso, você poderá aperfeiçoar o dom que Deus te deu e dançar melhor pra Deus, independente do ritmo que você dance.
E com essa proposta, a pergunta que faço a você, leitor: Qual o real motivo que você dança, pra adorar a Deus ou para o seu próprio ego? Quando deixamos de adorar a Deus para adorarmos a nós mesmos?
                Você dança porque gosta que as pessoas vejam o quanto você se destaca ou para que a glória de Deus seja vista na sua dança?
Reflita sobre essas questões, caso descubra que está dançando pelo motivo errado, peça perdão a Deus e continue, não pare o ministério, pois foi Deus que te deu esse dom e por isso a honra e a glória precisam ser dadas a Ele!

Deus te abençoe
Talita Dantas

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

O Sobrenatural e a dança...

Queridos Seguidores,
Estivemos fora do ar por algum tempo, por causa da produção do musical que vocês tem acompanhado, deixo aqui uma reflexão que li no blog http://adoracaodancaereino.blogspot.com/ vale a pena conferir.

 
Há alguns dias eu venho tentando dar continuidade na série - Corpo, memória da dança - mas, me senti impelida pelo Espírito Santo a escrever sobre outro assunto. No estudo sobre adoração e dança profética postado aqui, aprendemos que a adoração é uma via de mão dupla, onde adoramos ao Senhor numa entrega total e diante disso há uma junção da adoração do céu com a adoração da terra, ou seja, a nossa. É nessa junção que quero me deter.
Eu não quero ir para o céu, mas quero o Reino de Deus aqui na Terra, conforme a oração de Jesus. "...Venha o Teu Reino, seja feita a Tua vontade, assim na Terra como nos céus..." Para que o Reino de Deus venha é necessário trilharmos um caminho, onde o primeiro passo é o arrependimento, o segundo passo é a obediência e vivermos conforme Jesus no seu caráter e na Sua unção, o terceiro é adorarmos e estabelecermos um trono para que haja governo de Deus na Terra. Enquanto dançamos criamos um trono para que o Senhor venha reinar aqui na Terra. Esses passos simultâneamente geram a vinda do Reino.

O Arrependimento e confissão de pecados nos prepara para culturarmos ao Senhor sem restrições e sem separação do nosso Pai, uma vez que, o que nos separava, o pecado, foi confessado havendo arrependimento. Esse tempo que precisamos ter antes de adorá-lo é muito importante e imprescindível para que estejamos totalmente livres à participarmos do encontro que Ele preparou para nós.

Em Salmos a bíblia diz que Deus habita em meio aos louvores do seu povo, portanto o ambiente onde há adoração é totalmente propício a manifestação sobrenatural de Deus, pois Ele está ali. Interessante abordarmos esse assunto para que entendamos como o profético acontece em meio ao momento de adoração e como a dança está inserida nesse contexto.

Na junção da adoração do Céu com a da Terra, há uma unidade completa, tanto da trindade que vem receber a adoração, quanto dos anjos que vêm para adorar conosco. Nesse momento existe a dança de dois exércitos, dos anjos e dos filhos de Deus. Após prepararmos esse ambiente com arrependimento e confissão, o nosso cheiro se torna tão agradável que atrai a presença do Pai e com ela vêm toda a sorte de manifestações divinas, como cura, libertação, restauração. Os dons do Espírito se aguçam para captarmos esse momento sem que percamos nenhuma revelação que o Pai deseja nos dar. Dons de línguas e interpretação, de discernimento, de palavras de sabedoria e de conhecimento; para entendermos e interargirmos com Pai sendo participantes do que Deus deseja fazer na sua Igreja naquela hora; dom profético para falarmos e expressarmos o que o Pai nos ordenar. Enfim, há toda uma mobilização em torno desse momento, porque Deus sempre está desejoso em fazer algo pelos seus filhos, Ele sempre quer nos curar, nos tocar, nos abraçar, nos libertar, Se revelar a nós, revelar Seu caráter e a Sua vontade para cada um. O momento do culto ao Senhor, é um encontro singular onde o Pai vem encontrar seus filhos, onde o Noivo sai da sua recâmara para encontrar-se com a sua amada noiva. É muito especial. Esse momento acontecia todos os dias na viração do dia, onde Deus vinha se encontrar com Adão, e a bíblia diz em Gn 3:8, que Adão ouvia quando Deus entrava no jardim. Devia ser magnífico poder sentar-se ao lado do Pai e observar o pôr do sol e ter comunhão com Ele. Assim também são os nossos cultos, momentos de intimidade e revelação.

A primeira vez que eu vi abertamente o sobrenatural de Deus acontecendo em meio a adoração foi há 4 anos, quando estávamos adorando ao Senhor com um música do Cirilo que dizia: "... Eu chamo os anjos, eu chamos os arcanjos, eu chamo os querubins, eu chamo os serafins...", num determinado momento eu olhei para as pessoas e podia ver nitidamente os anjos, era tão nítido quanto as pessoas que estavam lá. Eles estavam dançando e adorando a Jesus, o Senhor, como dizia a música. Podia ver seus movimentos e como dançavam. Senti a santidade de Deus tão forte que quase fui arremessada na parede. Entrei num pranto e não podia controlar minha carne que tremia sem parar. Eu não sabia o que fazer, achei que ia morrer naquela hora. Senti muito temor de Deus. Mas, num ato de coragem eu comecei a fazer as mesmas coisas que eles, e as meninas que estavam dançando também, naquele dia houve um grande mover de Deus, pessoas foram curadas e libertas. Eu nunca me esquecerei daquela cena. Desde então, eu comecei a ver o sobrenatural de Deus e comecei a ter experiências de visão aberta.

Amados, a nossa dança misturada com arrependimento tem cheiro agradável ao Senhor e atrai a presença manifesta do Pai. Enquanto dançamos entregamos algo ao Senhor e nessa entrega pode haver uma reciprocidade, e recebamos algo também. Mas, o nosso intento precisa ser sempre em dar, nunca em receber. Ouço pessoas falando que estão indo cultuar para receberem mais de Deus. Isso vai acontecer, mas a nossa motivação não deve ser essa. Deus nos dará a justa medida do nosso arrependimento e do nosso comprometimento com a sua Santidade. Conforme correspondermos em arrependimento e santidade, Ele liberará a sua cura, libertação e suas bençãos, porque parebe bem aos olhos do Pai abençoar Seus filhos. Deus zela pelos Seus princípios.

Essa é a famosa e tão falada Dança do céu... a dança que trás Reino de Deus. Por isso, ela liberta, cura... porque atrai a presença manifesta de Deus e o Seu Reino se estabelece aqui na Terra.

Experimente...

Dancemos, adoremos e profetizemos até que o Reino venha!

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Preparação de um musical - parte II

Queridos seguidores,
Como vocês sabem estamos produzindo um musical de final de ano e com tudo isso começamos a pensar na escolha das musicas, na montagem da coreografia e na confecção de novos figurinos.
Tudo isso leva tempo para preparação, por isso o ideal para a preparação de um musical é de 4 a 6 meses antes da data escolhida.
A escolha das musicas depende de muita consagração a Deus, louvores que tenham a ver com o tema do musical, hoje temos excelentes ministros e grupos de louvor com musicas ungidas e dadas pelo Senhor.
A partir de hoje iremos estudar a historia e a técnica de alguns ritmos que poderão ser utilizados na montagem de coreografias para final de ano.
Trarei um pouco de novas tendências dentro da dança para que possamos aperfeiçoar a arte e entregá-la ao Senhor.


O Lyrical Dance é um estilo de dança que mistura ballet e jazz. Lyrical é geralmente mais suave e um pouco mais rápido que o balé, mas não tão rápido como o jazz. Um bailarino lyrical usa o movimento para expressar emoções fortes como amor, alegria e raiva.

Bailarinos de Lyrical costumam dançar músicas com letras, e as letras da canção escolhida serve de inspiração para os movimentos e expressões. As músicas usadas para lyrical são geralmente carregadas de emoção e expressivas.

A música pode consistir de vários gêneros, incluindo rock, pop e hip hop. Poderosa, músicas são freqüentemente usadas na dança lyrical para dar aos bailarinos a oportunidade de expressar uma gama de emoções fortes através da sua dança.

Movimentos da dança lyrical são caracterizados pela fluidez e graça, com a bailarina que flui sem problemas de um movimento para outro, segurando as etapas de acabamento tanto tempo quanto possível.

Saltos são excepcionalmente elevados e crescentes, e são fluidos e contínuos.

(Fonte: Dicas de Dança)

domingo, 16 de outubro de 2011

Produção musical

Queridos Seguidores,
Gostaria de saber a opinião de vocês sobre a preparação de musicais principalmente relacionados ao Natal que está chegando!
Gostaria de saber suas dúvidas ou dificuldades para que possamos respondê-las pelo blog.
E para aqueles que produziram musicais que deram super certo, nos mande também que postarei no blog!
O nosso e-mail é dancacrista@hotmail.com


Deus te abençoe
Talita

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Ministério de dança não é citado na bíblia? Isso faz da dança um ministério não aceito por Deus?

Queridos,

Li esse texto no blog danceforjesus.wordpress.com e achei perfeito para a ocasião.
Leiam, reflitam e façam seus comentarios!

Deus te abençõe

 

Ministério de dança não é citado na bíblia? Isso faz da dança um ministério não aceito por Deus?

Você já teve problemas com pessoas que levantam uma bandeira para dizer que dança não é de Deus. Por mais que escutemos: “Não ligue vocês estão fazendo para Deus e não para homens”. Saber que dançamos em uma igreja que os pastores não concordam muito os membros da igreja. É muito difícil. Eu já vi sites e vários pastores pregando sobre isso. Sabe algo que eu acho impressionante, o mundo está perecendo da palavra de Deus por faltas de pessoas para falar. E os que têm a oportunidade de falar perdem o tempo criticando um trabalho tão frutífero como a dança e o louvor. Porque muitos criticam o louvor também. Ao invés de estar pregando aquilo para o qual eles foram chamados: “Pregar o evangelho”. Mais para sair fora um pouco do que eu quero dizer. Quero deixar um recadinho para essas pessoas de fracos espíritos. Enquanto você está subindo no altar e entrando em seus blogs e sites para criticar um trabalho e dizer que não é de Deus. A pessoa que estão fazendo esse trabalho chamado dança que vocês não concordam estão usando o dom para falar do amor de Deus. Você não vê alguém que dança criticando que o ministério de vocês não é de Deus. Sabe admiramos muito vocês e suas palavras quando são para edificar. Edificam o nosso ministério. Comecem a ver a dança com outros olhos e vocês verão que é um ministério de Deus sim. O que muito de você usam como “desculpa” é que não fala sobre dança na bíblia. Realmente não fala, na bíblia fala que Mirian dançou e que Davi dançou, mais foi em um momento de alegria. Aquilo não era um ministério na vida deles. E quando o apostolo Paulo fala dos 5 ministérios ele não cita a dança. Mais eu quero contar a vocês o porquê disso. Em Efésios 4:11:12 o apóstolo Paulo fala sobre os cinco ministério:
  1. Apóstolos:
  2. Profetas:
  3. Evangelista:
  4. Pastores:
  5. Mestre:
O apostolo Paulo coloca o que os ministérios existem para “o aperfeiçoamento dos santos” e “a edificação do corpo de Cristo”. O que acontece muitos diz: Viu não tem dança, não tem instrumentista e nem cantores escrito ali. “Isso tudo é ‘banal’”. É o que acontece e nós muitas das vezes não temos uma resposta para isso. Nós devemos ser um ministério que exerce um desses cinco ministérios. Não apenas um dançarino que adora. Mais um dançarino que é um profeta. Um dançarino evangelista e assim por diante.  Uma explicação rápida baseada em um livro que li.
  1. O ministro mestre: É aquele que tem habilidade principal o dom do ensino. Ele estudo a Palavra de Deus. O mestre é aquele que trabalha na construção e solidificação da fé das pessoas da congregação, mostrando a elas os princípios da vida e da fé contidos na bíblia.
  2. O ministro evangelista: Para mim um dos mais importantes e que deve ser exercido por todos os ministérios. Pois temos uma missão: Ir e pregar o evangelho. O ministro evangelista ele ensina a igreja e anuncia a Palavra de Deus aos que ainda não conhece.
  3. O ministro profeta: Engraçado que nesse tempo que venho trabalhando com blog o que eu mais vi nos grupos são grupos intitulados Profetas. Quero até mais para frente fazer um post específico sobre esse assunto. Mais agora só uma rápida passagem. O ministro profeta é aquele que traz a exortação, edificação e o consolo da igreja.
  4. O ministro pastor: Muitos pastores que não concordam com a dança, vão achar uma absurdo falar que um ministro de dança exerce um ministério pastoral. O ministro pastor é aquele que começa a fazer parte da vida das pessoas. As pessoas passam a se identificar com ele e querem contar testemunhos e experiências ou até mesmo pedir oração ou uma palavra de encorajamento.
  5. O ministro Apóstolo: Não é muito fácil falar desse ministério. Muitos dizem que ele não existe mais. A bíblia fala que os apóstolos viveram com Jesus e testemunharam sua morte, ressurreição e ascensão aos céus. Mas vemos que na historia da igreja outros, que não vivenciaram estas coisas, também agiram da mesma unção. O ministro apostolo é aquele visionário que propõem metas, desafios, que vai abrindo caminho o caminho e que, além disso, se preocupa em ajudar, capacitar, dar suporte aos outros.
Os lideres devem trabalhar com sua equipe e orar e buscar de Deus uma direção para qual o ministério que Deus quer que eles trabalhem. Não se limite, não ache isso algo impossível. Você precisa se encaixar nesses ministérios para que seu grupo esteja fazendo a vontade de Deus. Porque se seu grupo não se encaixa pensa você: qual o motivo de estar dançando? Se não é para cumprir a missão do: Ide. Se não é para trazer a mensagem de Deus para igreja, aquilo que Deus quer falar seja exorta, seja edificar, ou seja, consolar. Se não é para ajudar as pessoas quando elas mais precisam. O seu grupo precisar se achar. Ou ficara um grupo sem meta sem foco e isso não é bom. Como eu já disse um grupo sem meta qualquer coisa está bom. E nós não podemos nos contentar com qualquer coisa. Temos que sonhar aquilo que Deus planejou para nós

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Dicas sobre figurinos - escrito por Cris Lopes

Queridos seguidores,
Mais um texto da nossa colunista Cris Lopes sobre figurinos!

Olá á todos!

Olá hoje estarei falando sobre a importância de utilizarmos um collant ou macacão por baixo do figurino como proteção, afim de não causarmos exposição do corpo.
Na dança secular é muito comum utilizarem figurinos com um collant apenas, ou então sem o mesmo, para melhor expressão de sua técnica e liberdade de movimentos.
Mas na dança cristã, nosso cuidado precisa ser redobrado, pois de forma alguma podemos expor nosso corpo.
Você consegue elaborar os movimentos sem se preocupar se está aparecendo alguma parte corpórea.
Geralmente é muito utilizado um collant, mas uma ótima dica é a utilização do macacão que protege muito mais.
Pode ser encontrado nas melhores lojas especializadas em produtos para dança. Sendo encontrado em diversas cores, além de permitir mais liberdade ao ministrar com a dança.
Esse tipo de macacão é utilizado tanto por mulheres como por homens.
O figurino é uma composição e com certeza o macacão é um elemento fundamental.
Seja criativo use seu macacão com cores que tragam sintonia com o figurino.
Por hoje é só...
Até a próxima!
Um grande beijo!

Cris Lopes

Sugestões de DVD

Caros Seguidores,
Prometi a vocês dicas de DVDs sobre dança cristã, hoje falarei dos produtos da Cia Vivian Lazzerini.
O trabalho que eles vem desenvolvendo ao longo do tempo contribui para a formação de adoradores cristãos.

Você pode adquirir pelo site: http://www.vivianlazzerini.com.br/


Neste DVD você terá uma Vídeo - Aula Nível I de uma forma detalhada e completa, dividida em aquecimento e alongamento, técnica, variações e coreografia, todo o vocabulário ou nomenclatura do mundo da dança (Nível I), dicas de como montar uma coreografia, figurino e mais 6 clips como resultado de todo esse aprendizado executando todos os passos e técnicas mostrados neste DVD. Dessa forma, adquirindo este trabalho, você ou o seu grupo conseguirão de uma forma simples e prática aprender e ensinar a arte de dançar.




Vídeo-aulas Nível II

- Alongamento
- Passos e nomenclaturas
- Aula prática
- Coreografias
- Dicas de figurino
E muito mais...

Para que os ministérios de dança tenham um respaldo cristão para o uso das técnicas de dança nas igrejas.

Hoje, os líderes e ministérios vêem a dança não só apenas, como uma série de passos e movimentos repetitivos seguindo a letra de uma música, sem um aperfeiçoamento técnico, mas entendendo que a dança é a forma de expressar a mais rica alegria e amor pelo Reino, tendo um grande equilíbrio entre técnica, expressão e espiritualidade.

domingo, 9 de outubro de 2011

Indicações de DVD

Queridos seguidores,
Esta semana prepararei uma super dica de DVD's de video aula e de espetáculos para que vocês possam adquirir!!!

Aguardem!!

Talita Dantas

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Confiança

O pensamento de hoje é sobre confiança.
Pesquisei alguns significados sobre confiança e dois me chamaram atenção:

a) Esperança firme em alguém, em alguma coisa
b) Sentimento de segurança, de certeza, tranqüilidade, sossego daquele que confia na probidade de alguém

É dificil confiar em alguem que vemos, imagine, confiar em alguém que não vemos. Esse é um dos argumentos que os ateus usam para negar a existência de Deus.
Mas Deus quer que confiemos Nele e esperemos a solução de nossas dificuldades e aflições.
Quantas vezes não passamos por dificuldades em nosso ministério, em vários aspectos, na relação com os outros bailarinos, na relação com o bailarino com o líder do grupo, na arrecadação de dinheiro para compra dos figurinos.
Deus quer ver nosso descanso em verdes pastos, como diz Davi no Salmo 23, mas para isso, precisamos confiar no Senhor e saber que Ele está a nossa frente e luta na nossa batalha.

Essa é uma das características que um bailarino do Senhor precisa ter, pois precisamos confiar para deixar que Ele faça a obra completa!
Veja essa coreografia que fala sobre confiança!

Fique com Deus

Talita Dantas


Parceria - Curso de Elaboração de Projetos Culturais

Grandes são as dificuldades dos profissionais do segmento na elaboração de projetos e realização de eventos.
Apos a palestra na Expo Cristã e o Workshop de Elaboração de Projetos em Perdizes, inúmeros profissionais solicitaram o 2º Workshop de Elaboração para este ano ainda.

No curso será ministrado o Marketing Cultural, a base estrutural de projetos, aula prática de elaboração,
o passo-a-passo de como inserir um projeto nas Leis e informações sobre as Leis de Incentivos à Cultura.
Você não pode ficar de fora, agende as datas e invista em você!

PROMOÇÃO:
Ao preencher a Ficha de Inscrição no site www.agendaculturalbrasil.com,
favor citar a promoção do blog dancacristabr.blogspot.com,
O valor da inscrição será de R$ 170,00.
Não esqueça de citar na Observação a promoção.


2º WORKSHOP  DE  ELABORAÇÃO  DE  PROJETOS

Objetivos:
Orientar a todos os interessados no sistema de Incentivo à Cultura e sua disseminação.
Breve analise de conceitos em Marketing, Formatação de Projetos e apresentação ao patrocinador.
Aulas práticas e dinâmicas com trabalho de elaboração de projeto para conclusão do curso.

Entendendo a base de projetos:
. Marketing é pesquisa, e projeto é resultado,
. Marketing de oportunidades e seus cenários,
. Geração de idéias, seleção de idéias

Elaborando projetos culturais:
. Definindo: Síntese, Objetivos e Justificativa do Projeto,
. Cronograma de execução,
. Orçamento: Orientações Gerais,
. Modelo Básico de Orçamento,
. Planilhas codificadas de orçamento,
. Orçando Recursos Humanos e Bens Materiais,
. Orçando Custos Administrativos,
. Orçando Custos de Divulgação e Comercialização,
. Investimento mecenato a patrocínio,
. Apresentação do projeto ao patrocinador,
. Quem pode ser meu patrocinador,
. Apresentação do Projeto: Orientações Gerais

Leis de incentivo:
. Lei Rouanet (Reforma 2010)
. ProAC
. Lei Mendonça
. Patrocínio de projetos via leis

Palestrante: Ananda Niño
Bacharel em Marketing, pós graduada em Gestão de projetos, Atriz e Produtora (DRT: 33.719).
Conduz palestras explicativas de sua prática em elaboração de projetos voltado ao marketing cultural
e inserção em Leis de Incentivos, editais públicos e privados.
Ananda Niño também dirige a produtora astreze artes e trabalha para a Tv Globo (CGP - Projac)

Datas:
26 e 27 de novembro

Horário:
10:00 às 16:00 h

Local:
Auditório da Sociedade Bíblica do Brasil
Avenida Tiradentes, 1.441 - São Paulo - SP
Próximo Metrô Tiradentes
 
Carga Horária:
10 horas

Material:
- Apostila, CD
  (conteúdo de leis e modelo de projeto aprovado)
- Aulas multimídias

Cada participante irá elaborar o seu projeto.
Certificado de Conclusão
Vagas Limitadas!

Investimento:
R$ 170,00 (somente para os seguidores do blog Dança Cristã)

Procedimento:
Preencha a Ficha de Inscrição no site
e informaremos o procedimento.
http://www.agendaculturalbrasil.com/
Realização:
.Agenda Cultura Brasil
 Verônica Brendler
 Produtora e Assessora de Imprensa
.Centro Cultural da Bíblia - SBB

Maiores informações:
Tel:    21 - 3547 0121                 
Cel:  21 - 7872 3540    id 10*9925
Skype: veronica.brendler1
veronicaimprensa.rj@gmail.com
veronicabrendler.blogspot.com
agendaculturalbrasil.blogspot.com
http://www.agendaculturalbrasil.com/

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Palavra com Dança!

Tenho lido muito a respeito de dança cristã e sobre os aspectos de um bailarino de Cristo.
Uma das características de um bailarino de Jesus é saber ouvir a voz de Deus e seguir a Sua vontade.
Muitas vezes a vontade de Deus não é a nossa, mas temos que saber que a vontade de Deus é boa, perfeita e agradável (Rm 12:2) e que se confiarmos em Deus podemos ir muito além do que poderíamos imaginar.
Tenho certeza que você, assim como eu, tem que fazer escolhas diárias, muitas delas muito difíceis, mas para não nos distanciarmos da vontade de Deus, acabamos optando por fazer aquilo que, aos nossos olhos carnais seria uma escolha incorreta, mas aos olhos do nosso Pai, é uma prova de obediência a vontade Dele.

Que vocês possam meditar nessa pequena palavra e conferir abaixo uma coreografia linda da Cia Tribo de Dança, chamada VONTADE.

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

O que é Dança?


I. Definição:
O vocábulo dança é uma das possíveis traduções da palavra grega "paizo" e seus correlatos, bem como da palavra "shireh" da língua hebraica. São elas comumente traduzidas por: agir como criança, dançar, gesticular, imitar. O dicionário Barsa traduz dança como sequência de movimentos e passos rítmicos, executados geralmente ao som da música, por uma pessoa só ou parceiros, dançar significa também mover-se em diversos sentidos; agitar-se.

II. Ensino Bíblico
Encontramos também no Antigo Testamento danças por ocasião das celebrações de vitória (Ex 15.20; Jz 11.34).
Por ocasião das festas da colheita haviam manifestações de dança, como registra juizes 21.21. Estas manifestações eram sempre de uma dança harmonicamente desenvolvida por um grupo, a qual narrava uma história.

"(...) foi, pois Davi, e com alegria, fez subir a Arca de Deus (...) Davi dançava com todas as suas forças diante do Senhor; ( ...) Assim Davi, com todo o Israel, fez subir a Arca do Senhor, com júbilo, e ao som de trombeta" (1Sm 6.12-15). Esta passagem nos relata um fato histórico em Israel: a comemoração, com grande alegria do retorno da Arca da aliança, a qual simbolizava para o povo judeu a própria presença de Deus. E a Bíblia diz que Davi, embora estivesse vestido com uma estola sacerdotal de linho" - traje que representava reverência, dançava com todas as suas forças para expressar sua alegria e gratidão a Deus.

Nos salmos cúlticos (26.6;42.4; 149.3;150.4) aparece a palavra shireh. Estes contextos nos fazem lembrar as procissões promovidas pelo povo, rumo ao templo.

No templo, o culto era o mais impeditivo possível. Os que entravam nos átrio eram somente os sacerdotes, dentre esses somente o sumo-sacerdote adentrava ao santo dos santos. Do "auditório" não se ouvia nenhum som de louvor. Os cantores, ministros do canto, entoavam os louvores (estes eram também sacerdotes). Ao povo em geral não se lhe era dado o direito de pisar o átrio. Os homens tinham o seu espaço, as mulheres outro mais atrás, os gentios atrás do muro. (Jesus revela sua indignação no templo, pois, o lugar dos gentios estava ocupado pelos vendedores. Jesus afirma, então, que aquela casa será chamada "Casa de Oração" para todos os povos"). Sendo assim, se o povo não participava da "cerimônia" propriamente, encontravam eles uma maneira de expressão, e esta foi "no caminhar para templo". Ajudando a multidão, engrossando a procissão, cantavam os salmos. Os salmos cúlticos se reportam a isso, e a palavra acima mencionada é assim traduzida "andarei", passava eu com a multidão do povo", "com adufes e harpa", "com adufes e danças". Somente o Salmo 150.4, em algumas versões, a palavra "shireh" é traduzida por dança.

III. Dança como forma de Adoração 

a) Adoração

O que é adoração?

Na Bíblia hebraica a palavra adorar significa curvar-se, inclinar-se profundamente. O termo correspondente no grego significa prostrar-se, beijando o chão. Diante do divino, do sagrado e sublime que ele experimenta como sobre humano, o homem se prostra: faz-se pequeno e submete-se (Ap 1.17). Adoração é a reação espontânea do homem que é agraciado com a presença de Deus (Ex 34.8; Nm 22.31), é a atitude daquele que se encontra com Deus. Adorar é sinônimo de servir a Deus através do culto" (Gn 22.5; I Sm 1.3; Sl 96.9; At 8.27).

IV. Orientação ao Grupo de Coreografia

a) O que adora e evangeliza dançando precisa:
Ter nascido de novo (2Cor 5.17);
Testemunhar em todo o tempo e lugar (At 1.8);
Ter vida devocional diária. (Oração, leitura da Palavra, bons livros, etc..);
Ser humilde (1Pd 5.5-6);
Saber que tudo deve ser feito para Deus. (Cl 3.23);
Ter atitudes expressas em atos de amor ao próximo e gratidão a Deus. (1Jo 4.7-20);
Encarar como um ministério, um chamado de Deus para esta função;
Que as pessoas poderão critica-las pela postura de adorador (2Sm 6.20-23);
Ter compromisso com sua igreja local;
Ter submissão ao líderes;
Ser dedicado, esforçado e disciplinado quanto os desafios do grupo;
Ter atividades corporais particulares para desenvolver sua capacidade, seu talento.

b) Saber ainda que:
A dança em adoração não tem intenção carnal de dar evidência às curvas do corpo e destaque as suas partes eróticas;
A dança é parte integrante do louvor não é um destaque especial no culto;
Que a dança cristã não é uma exibição artística;
A dança em adoração expressa e completa o regozijar da presença de Deus e Seu relacionamento conosco;
A adoração não é um ato separado do corpo, adoramos o Senhor com todo o nosso ser;
Adoramos e louvamos ao Senhor com danças por causa de sua santidade, da criação e redenção do ser humano;
Não é um complemento ou um enfeite na liturgia.

Conclusão

A dança é uma expressão de louvor e adoração, uma grande estratégia de evangelização. Muitos adolescentes serão alcançados pela Palavra se houver por parte dos componentes paixão e amor as vidas. É preciso temor pois "o temor a Deus, é o princípio da sabedoria". (Pv 9.10)

Eventos

Este espaço também é utilizado para divulgar os eventos do seu ministerio!

Para quem está em Brasilia, veja este aqui!

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Dicas

Pra você que tem dicas, gostaria de divulgar seu grupo, mande-nos fotos para que possamos postar em nosso blog!!

Deus te Abençõe

Equipe Dança CristãBR

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Tipos de Dança na Bíblia

Quero compartilhar com vocês um estudo que li no site www.profetasdadanca.com.br escrito pela Pra Gisela Matos, edificante para a sua vida e para o seu ministério.

Deus te Abençoe

Equipe Dança CristãBr

1.     Dança Processional: Era feita em fila ou de maneira alinhada com uma harpa ou instrumento de corda indo até em volta do altar, e se movia de maneira circular.Sl.48.12; 42.4.

2.     Procissão de Lamentação: Era feita com um flautista e duas pessoas que lamentavam. Essa era uma dança de jejum na assembléia solene. Lc. 7.32; Am. 5.16; 2Cr 35.25.

3.     Dança e Canções de libertação: Conforme a dança de libertação avançava, os pés iam sendo usados junto com palmas, brados, sacudidas e fortes pisadas.Sl.32,7; 1Cr.15.16; Is.13.2; 26.6; 2 Sm.22.40-45; Sl.114.6.

4.     Dança de Procissão de Escalada ou Entrada: São também chamadas canções de degraus Sl.120 a 134. A dança no Sl.68:25 era feita em fila ou de maneira alinhada e é um chamado à adoração.Feita no caminho do templo. Sl.68.24-25; Is.30.29; 1Cr.15.29; 2 Sm. 6.14-23.

5.     Processional de Casamento: Era feita de maneira processional até a casa do noivo pela noiva e suas damas. Mais tarde na cerimônia havia uma tradicional dança em volta do noivo e da noiva. Ct.3.11; Is. 61.10; Gn. 24.61

6.     Dança de Festa: A dança de Festa era acompanhada por harpas e tamborins, essa dança era feita em círculo.Sl 118.27

7.     Dança de Dedicação: Era uma dança em roda feita na dedicação do templo.Jr.31.4; Sl.30.11; Ne 12.27

8.     Dança de Saudação: Era geralmente feita por mulheres para saudar o sábado. Jz.11.34

9.     Dança de Vitória: Era geralmente feita por uma companhia com coros e repetições. Grande regozijo. Havia muitos ramos de palmeiras sendo agitados pelas pessoas durante a dança de vitória. Ex.15.20; 1Sm.18.6, 1Cr.15.29

10.                       Dança de louvor e Adoração: Era uma dança de roda em coro, algumas vezes feita em solo. Sl.149.3; 150.4; 96.9; 30.11.

11.                       Dança de Unção: Era feita com uma flauta para trazer a presença do Senhor.1Sm.10.5-10.

12.                       Danças Masculinas: Geralmente aconteciam durante a colheita e grandes experiências de guerra, assim como em dias de festa. Is.9.3; 61.10; Jr.31.13

Arena da Dança 2011

Queridos,
Pude prestigiar parte do evento que aconteceu na Expo Cristã 2011, a Arena da Dança, uma reunião do que há de melhor na Dança Cristã no nosso país.
Um mover de Deus maravilhoso, as pessoas saiam de lá chorando, impactadas por aquilo que viram.
A adoração através da dança é algo impactante, traz a presença de Deus e conseguimos ver nesses adoradores os frutos de uma entrega verdadeira pra Deus, uma oferta de vida no altar, levando a adoração onde elas vão.
Deus seja louvado porque Ele ainda pode encontrar em nós adoradores que O adoram em Espirito e em Verdade.

Fiquem na paz

Talita Dantas
Equipe Dança CristãBR

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Coreografia

Esta coreografia fala imensamente ao nosso coração, além de tudo isso, que a letra desse louvor possa ecoar no teu coração todos os dias!!!

Deus te abençõe

Equipe Dança CristãBr

Cia Praise de Dança

Evento

Acontece neste fim de semana na Expo Cristã a Arena da Dança, uma reunião dos principais ministérios de dança do país mostrando seu trabalho  e seus produtos.
Vale a pena conferir!!!

Onde?

ANHEMBI
RUA B COM RUA C E RUA 5 NUMERO 175
Local: Anhembi Parque - Pavilhão Oeste
Endereço: Av. Olavo Fontoura, 1209 - Santana - CEP 02012-021. São Paulo - SP

Frases sobre dança

Olá Seguidores!!
Hoje colocaremos frases sobre o tema dança para reflexão:

"Bailarina tem que melhorar tudo sempre
(Ana Botafogo)
"Nós podemos definir a dança como expressão de sentimentos através da movimentação."
(Andréa Thomioka)
"Dançarinos são instrumentos, como um piano que o coreógrafo toca."
(Balanchine)
"As vezes almoço uma feijoada em dias de solo."
(Cláudia Mota)
"Procuro trabalhar força dinamicamente, compondo todo o movimento. Fluindo energia até a ponta dos dedos.
 Ocupando o espaço sob todos os planos e níveis.Bailarino não pode parar."
(Deborah Colker)
"Se a dança for certa não deve haver um único movimento desnecessário."
(Fred Astaire)
"Habituado a vastidão das nossas extensões, o corpo brasileiro sabe que só pode produzir dança brasileira no plural. E que a sua singularidade vem justamente dai."
(Helena Katz)
"Meu corpo é o templo da minha arte. Eu exponho-o como altar para  adoração da beleza."
(Isadora Duncan)
"O bailarino tem que sair do estúdio e ir ver como as pessoas estão dançando na rua."
(Ivaldo Bertazzo)
"O esporte cuja preparação mais se assemelha a dança é o atletismo salto triplo, pelos objetivos de desenvolvimentos de saltos."
(Jean-Ives Lormeau)
"Nada é mais revelador que o movimento."
 (Martha Graham)
"O corpo diz o que as palavras não podem dizer."
 (Martha Graham)
"Agora eu sou claro, agora eu vôo, agora eu me vejo abaixo de mim mesmo, agora um Deus dança através de mim."
(Nietzche)
"Antes que o homem aprenda a voar é necessário ensina-lo a andar, correr e dançar."
(Nietzche)
"E que seja perdido o único dia em que não se dançou."
 (Nietzche)
"Todos os temas são apropriados para um balé desde que ele possa ser expressado e transmitido através do movimento"
(Noverre)
"A dança é a mãe de todas as linguagens."
(Provérbio)
"Quando danças, queria que fosses como a onda do mar, para que nunca fizesse outra coisa."
(Shakespeare) 
"Eu já dancei Romeo e Julieta com homossexuais. Foi difícil imaginar que, tendo aquele Romeu diante de mim, eu teria que me matar por ele, mas eu fiz isso"
(Sylvie Guillem)
"Se você tem medo de perder alguma coisa, você é dependente disso. Se você não tem medo, então você é livre"
(Sylvie Guillem)

sábado, 17 de setembro de 2011

Coreografia Cia Rhema

Pessoal,

Esta coreografia falou muito comigo, as barreiras e paredes que muitas vezes colocamos ao nosso redor nos impede de vivermos o mover e o milagre de Deus. Contemple a grandeza de Deus mostrada na coreografia da Cia Rhema.




Abraços
Equipe Danca CristãBr

Livros para edificar sua vida e seu ministério!

Pessoal,
Hoje é dia das dicas de alguns livros que podem trazer edificação para a sua vida e para o seu ministério.
Em breve teremos a nossa loja virtual e você poderá adquirir estes produtos conosco também, caso tenha dúvidas de como adquiri-los, nos mande um e-mail: dancacrista@hotmail.com










O que seria o Profeta da Dança? Qual sentido bíblico para tal nomenclatura? Venha através deste livro descobrir como Deus está redimindo a arte para manifestação da sua Glória. E quebrar os preconceitos e paradigmas que atrasam o desenvolvimento espiritual da igreja de Jesus Cristo










Este livro, traz um entendimento sobre os fundamentos Biblicos, tradições e história da dança na igreja de Jesus Cristo.







Seguindo o grande sucesso do livro Profetas da Dança. Chega ao mercado o novo livro de Gisela Matos. Quando Deus me pediu as Sapatilhas, um livro surpreendente, que irá desafiar você a entregar seu chamado, sua vida por completo ao Senhor.




Esta ferramenta cheia de óleo para sua vida e ministério. Seja abençoado neste novo livro, com palavras e orientação para edificação do Corpo de Cristo.

Participe

Mande para nós as suas dúvidas, sugestões de pauta e vídeos de seu grupo.
Nosso e-mail é dancacrista@hotmail.com

Abraços

Equipe Dança Cristã

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

NOVA COLUNISTA NO BLOG!

Pessoal,
Estamos com uma nova colunista no blog, a Cris Lopes, ela falará sobre figurinos, caso você tenha alguma dúvida sobre esse assunto, envie um e-mail para dancacrista@hotmail.com que ela terá prazer em responder!!

Olá á todos!

Primeiramente sinto-me lisonjeada com o privilégio de postar dicas referente á figurinos na Igreja.
Hoje estarei fazendo uma breve apresentação da importância de um figurino.
Quando temos uma vida no altar e estamos ministrando louvores ao Senhor, é preciso que tudo esteja em perfeita harmonia.
O figurino é uma continuação de nosso louvor, pois estamos usando vestes sacerdotais, e isso implica em buscarmos todo cuidado necessário para a elaboração dele.
Precisamos buscar em Deus sabedoria para a confecção de vestes que sejam santas e que de forma alguma exponha nosso corpo.
Quando se trata de vestes sacerdotais, todo cuidado é pouco, pois não estamos dançando apenas como o mundo dança, afim de mostrar movimentos bonitos e que mostrem a extrema qualidade técnica.
Pelo contrário, o intuito não é expor o corpo e sim levar o povo á adoração, com movimentos.
Um figurino mal elaborado, pode ocasionar muitos problemas e olhares conflitantes.
Por isso a escolha deve ser muito cuidadosa sobre, tipos de tecidos, modelagem, e etc.
Ao longo de nossas conversas estaremos apresentando outras dicas que creio que irá agregar ao seu ministério.
Um grande Beijo fiquem na paz!

Cris Lopes

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Começamos!

Olá Seguidores! Tudo bem?
Bem Vindos ao Blog Dança CristãBR, estamos trabalhando para gerar o melhor conteúdo e ajudar o seu ministério a crescer!
Faça contato conosco, nosso e-mail é dancacrista@hotmail.com, o twitter é @dançacrista!
Participem, mandem suas sugestões, fotos do seu grupo, dúvidas, idéias, divulgue seu evento!
Aqui você encontrará estudos sobre dança e adoração, dicas de dvds e livros, figurinos, vídeos de coreografias!

Faça parte da nossa equipe, mande seu e-mail com um pequeno curriculo e como gostaria de contribuir conosco!

Seja Bem Vindo

Equipe Dança CristãBr
Ocorreu um erro neste gadget